IRPF 2016: Saiba quais despesas não são dedutíveis.

"IRPF 2016: Saiba quais despesas não são dedutíveis."

Publicado em 23 de março de 2016 - 13:49 horas - Geral

IRPF 2016: Saiba quais despesas não são dedutíveis.


Fonte: Jornal Contábil -  http://www.jornalcontabil.com.br/?p=7226


Embora pesem no orçamento familiar, nem todas as despesas podem ser abatidas do Imposto de Renda (IR). O alerta é do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e de Assessoramento no Estado de São Paulo (Sescon/SP).

Este ano, o sistema está mais sofisticado e capaz de cruzar ainda mais os dados dos contribuintes, explica Márcio Massao Shimomoto, presidente da entidade. Segundo ele, é possível identificar omissões ou até mesmo fraudes nos documentos.

“É importante manter os comprovantes de pagamento das despesas lançadas na declaração para ter direito ao desconto, caso sejam solicitados” — orienta Márcio.

O Fisco aplica multa de 75% sobre a parcela solicitada indevidamente, se constatado dolo ou má fé, daqueles que tentarem lançar despesas sem comprovante com o objetivo de restituir valor maior que o de direito ou reduzir o imposto a pagar.

Confira quais são as despesas não dedutíveis
– Pagamento de aluguel
– Doação para dependentes
– Curso de idiomas
– Cursinho pré-vestibular
– Academia de dança ou de esportes
– Aulas particulares
– Tratamentos de beleza: drenagem linfática, depilação ou limpeza de pele, por exemplo
– Exame de DNA para investigação de paternidade
– Lentes de contato e óculos de grau
– Aparelho de surdez
– Clareamento dentário
– Financiamentos: seja do veículo ou de um imóvel
– Nutricionista (no caso de nutrólogo, pode ser deduzido)
– Medicamentos: só são dedutíveis se integrarem a conta de hospital
– Material escolar
– Seguro de vida
– Veterinário
– Vacinas
– Doações a entidades filantrópicas: só é possível abater sobre doações a fundos municipais, estaduais e federais dos direitos da criança, adolescentes e idosos, com limite de dedução de 6%.

O prazo para entrega da declaração termina em 29 de abril. Está obrigado a declarar quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.123,91.

O programa gerador e para transmissão está disponível no site da Receita Federal. A perda do prazo implica em multa de 1% ao mês sobre o total devido, limitado entre R$ 165,74 e 20% do imposto devido.


Fonte: http://www.jornalcontabil.com.br/?p=7226




Rua José Gabriel, 213, centro - Ijuí / RS. CEP: 98700-000.

Telefone: (55) 3332 9145.